Zohan - O Agente Bom de Corte


A nova comédia de Adam Sandler é de um humor tão esdruxulo que chega a ser engraçado. O roteiro assinado pelo astro em parceria com Judd Apatow (Ligeiramente Grávidos, Superbad) prometia o grande retorno de Sandler ao gênero lhe deu fama e reconhecimento. A trama sobre um agente do exército israelense que possui o sonho de ser cabelereiro não apresenta um pingo de normalidade. O show de bizarrices começa na primeira cena com o protagonista pelado, requebrando o quadril e trovando as gostosas da praia, a cena acaba quando um peixe fica preso em suas nádegas.

Bom, para não afugentar a galera do cinema, já vou avisando que Zohan é um filme bastante divertido, rende ótimas risadas e deve ser assistido em DVD entre amigos e com uma cerveja bem gelada. Se o longa mantivesse o mesmo clima da primeira hora de duração poderia ser uma comédia hilária. Pena que a sem gracisse do final faz com que o ritmo desande.


Nota: 7,0

2 comentários:

Larissa Harres Zucchelli Bittencourt disse...

Para achar engraçado este filme só com muita cerveja mesmo...

chicoteando disse...

eu ri do comentário da amiga. porque é verdade, só bêbado.

achei o filme horrível, besta, a ponto de sair no meio da sessão. coisa que acho lamentável de se fazer, mas como não estava conseguindo digerir preferi parar antes de me engasgar.

aliás, ótima ferramenta de tortura. melhor que propaganda eleitoral.

mas confesso que ri quando ele imita um golfinho. só.

Postar um comentário