Invasores


Reimaginação do clássico da ficção científica Os Invasores de Corpos, essa recente produção coloca a trama um pouco ultrapassada do livro de 1955 em um contexto moderno, com direito à perseguições de carro, helicópteros, computadores e o uso freqüente do celular. Hoje, seria ridículo filmar o projeto com a história dos humanos transformados em vagens, como acontece no original.

Apesar de não ter um motivo relevante para essa quarta adaptação da obra de Jack Finney, Invasores não é um fracasso. A presença de Nicole Kidman toma conta da tela e como boa atriz que é, não decepciona. Ao contrário de Daniel Craig, que aparece sem a menor vitalidade, assim como sua presença sem sal em A Bússola de Ouro.

A essência ainda permanece a mesma e a invasão alienígena consegue gerar certa tensão. O conceito dos seres humanos ficarem sem expressão é utilizado de forma adequada pelo roteiro e deixa a trama esclarecida sem cansar o espectador. Porém, a edição não funciona bem quando em certos momentos antecipa os fatos. O mesmo ocorre quando surgem imagens computadorizadas do DNA sendo alterado dentro do organismo do infectado. Completamente desnecessário.

Invasores pode soar meio bobo ao final da sessão, mas ainda assim, é um bom filme.


Nota: 7

2 comentários:

jpallemand disse...

Ahan, cá estou! Então, continua atualizando com frequência, to gostando das críticas. Do tamanho e da objetividade delas, sem blá blá blás desnecessários. Bom trabalho rapaz. Abraço.

Marcelo disse...

Já vi um filme parecido com esse né Max??? :p
Muito legal o blog!
Abração!

Postar um comentário